Skip to content

Contrabando #04: Salto de Fé

[…] através dos seus imaginários sociais, uma coletividade designa a sua identidade; elabora uma certa representação de si; estabelece a distribuição dos papéis e das posições sociais; exprime e impõe crenças comuns; […] Assim é produzida, em especial, uma representação global e totalizante da sociedade como uma “ordem” em que cada elemento encontra o seu “lugar”, a sua identidade e a sua razão de ser.

Bronislaw Baczko, Imaginação Social

O homem e o místico como ponte para a fruição, do poder individual ao pertencimento pelo coletivo. Quais são as possibilidades para além do material na fé, religião, espiritualidade ou simplesmente na crença de algo maior?

Contrabando, edição #04
Salve a Malandragem: Samba, Fé e Subversão, por Maria Helena de Pinho
Tambor, Vai Chamar quem Mora Longe, por Maicon Firmiano
Além da Vida, de Clint Eastwood, por Wallace Andrioli
Serás Profeta do Altíssimo, Ó Demente, Pois Irás Andando à Frente do Senhor, por João Pedro Faro
Jacques Tourneur: A Crença é o Terror – Vídeo por Adrian Albuquerque
Carl T. Dreyer: Fé é Forma, por Matheus Fiore

Arte principal e direção de arte: Luís Rech